Deputado Cirone Deiró relata ao governador Marcos Rocha dificuldades enfrentadas pelas famílias beneficiadas pelo Cartão Alimentação Escolar

Deputado Cirone Deiró – Foto: Marcos Figueira-ALE/RO

O deputado Cirone Deiró pediu providências ao governador Marcos Rocha com o propósito de reduzir os custos das taxas cobradas pela operadora do Cartão Alimentação Escolar distribuídos as famílias de alunos com vulnerabilidade social. A transferência dos recursos aos alunos da rede estadual de ensino foi defendida pelo deputado Cirone Deiró e aprovada por unanimidade pela Assembleia Legislativa. A iniciativa faz parte das ações colocadas em prática para atender milhares de alunos, que em razão da pandemia do novo coronavírus, estão em casa. A entrega dos primeiros cartões magnéticos teve início na ultima semana, mas os beneficiários estão tendo dificuldade com o uso dos mesmos, em razão da alta taxa cobrada pela operadora do cartão magnético.

O caso foi relatado pelo deputado Cirone Deiró ao governador Marcos Rocha, e a equipe da Secretaria de Estado da Educação-Seduc, em reunião por vídeo conferência, realizada na última segunda-feira, 01 de junho. Durante a vídeo conferência, o deputado Cirone Deiró alertou o governador e a equipe da Seduc que em razão das altas taxas de administração cobradas pela operadora do cartão, as famílias beneficiadas estão encontrando dificuldade para adquirir os alimentos da cesta básica para atender à necessidade básicas dos filhos.

Cirone Deiró informou ainda que foi procurado por representantes das famílias beneficiadas denunciando de que o comércio local não estava aceitando o referido cartão, pelos altos custos operacionais. “Por outro lado, alguns comerciantes me procuraram informando que era inviável aceitar o Cartão Alimentação pela taxa cobrada pela administradora que é de 9,6%, mais o valor de R$ 0,42 por cada vez que o cartão for utilizado. Se o gasto for realizado de uma só vez, no valor integral de R$ 75, a operadora recebe R$ 7,20, isso beira a uma extorsão”, alertou o parlamentar.

Cirone Deiró alertou o governador Marcos Rocha de que os que estão sendo cobrados pela administradora do Cartão Alimentação Escolar estão muito acima dos valores praticados pelo mercado. “Temos outras operadoras que conseguem fazer esse mesmo serviço com uma taxa de administração justa e adequada para o momento em que vivemos. Esse benefício concedido as famílias de baixa renda deve ser dedicado integralmente para suprir as necessidades dessas famílias”, alertou.

Ao final da reunião, o governador Marcos Rocha assumiu o compromisso de cobrar dos técnicos uma solução para a situação apresentada pelo deputado Cirone Deiró. O governador agradeceu a preocupação do parlamentar com a execução desse importante beneficio para a comunidade estudantil em vulnerabilidade social. “Precisamos achar uma solução para que o propósito de atender a todos esses alunos sejam cumpridos da melhor forma possível”, afirmou.

Texto: Edna Okabayashi