Empresas do vice-governador de Rondônia são alvo da Operação da Polícia Federal

Os federais cumpriram os mandatos, tanto na casa do vice-governador, como também nas suas empresas, que atualmente, são geridas pelo seu filho.

 O vice-governador de Rondônia, José Jodan, acordou na manhã desta terça- feira, 04, com a Polícia Federal na sua porta. Ele foi um dos principais alvos da Operação Machiatto que visa desarticular esquemas de emissão de notas, através de empresas “de pasta”, uso de “laranjas”, e movimentação de valores provenientes das infrações penais investigadas.

Os federais cumpriram os mandatos, tanto na casa do vice-governador, como também nas suas empresas, que atualmente, são geridas pelo seu filho. O endereço de outras pessoas ligadas ao vice-governador também foi alvo dos agentes.

Jodan reside no município de Rolim de Moura, Zona da Mata rondoniense e, de acordo com a Polícia Federal, essa investigação tem como foco as ações empresarias do vice-governador, não tendo ligação com o seu cargo político.

Até o presente momento o governo não emitiu nota sobre o assunto.

Fonte:  rondonoticias