O Decréscimo de votos de Mariana Carvalho

Eleita Deputada Federal em 2014, obtendo 60.324 votos, a parlamentar teve uma redução considerável de votos nas eleições de 2018.

A Paulistana, Mariana Fonseca Ribeiro Carvalho de Moraes, disputou sua primeira eleição em 2008, candidatou-se ao cargo de vereadora na cidade de Porto Velho, por o Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB.

As eleições municipais brasileiras de 2008 aconteceram em primeiro turno em 5 de outubro de 2008 e resultaram na escolha dos vereadores e os prefeitos dos 5.567 municípios do Brasil.

Naquela época, a estudante de medicina Mariana Carvalho, alcançou 1.829 votos (0,94% dos votos válidos), e foi eleita por média.

Em 2012 a Edil candidatou-se ao cargo de prefeita na cidade de Porto Velho, pela coligação Para Uma Porto Velho Mais Humana, composta pelos partidos PSDB / PSD.  E apareceu na urna como Mariana Carvalho fazendo uso do número 45 (PSDB).

Alem de Mariana Carvalho, Pleitearam a vaga em 2012. Mario Sergio Leiras Teixeira (PMN), Mario Gonçalves Ferreira (PPS), Mauro Nazif Rasul (PPS), Fátima Cleide Rodrigues Da Silva (PT), Lindomar Barbosa Alves (PV), José Augusto De Oliveira (PMDB), Waltério Carlos Araújo Rocha (PSTU) E Aluízio Vidal Flor (PSOL)

No Pleito a atual Deputada Federal obteve no primeiro turno 41.673 votos (17,88% dos votos válidos), ficando na terceira colocação, perdendo para Mauro Nazif, que obteve 44.259 votos (18,99% dos votos válidos) e Lindomar Garçon que alcançou 57.698 votos (24,76 dos votos válidos). Mauro Nazif acabou sendo eleito no segundo turno superando Lindomar Garçon que tinha chegado à frente no primeiro turno.

Nas eleições gerais de 2014, a médica Mariana Carvalho, candidatou-se ao cargo de Deputada Federal, através da coligação Frente Muda Rondônia II, composta pelos partidos PSDB / PSDC / PSD / PEN / SD / PHS / PSC / PMN / PT do B / PRB / DEM, alcançou 60.324 votos (7,55% dos votos válidos), eleita, foi a terceira mais votada do estado de Rondônia.

A ex- vereadora obteve 47.663 votos em Porto Velho (21,85% dos votos válidos), sendo a candidata mais votada da capital. Na segunda posição, o Deputado Federal Lindomar Garçon alcançou 16.562 votos (7,59% dos votos válidos).

No Pleito de 2018 a Deputada Federal, concorreu à reeleição para a Câmara dos Deputados, pela coligação Rondônia, Esperança De Um Novo Tempo, composta pelos partidos PSDB / DEM / PSD / PRB / PATRI.

Na coligação concorreu ao cargo de governador, o empresário Expedito Gonçalves Ferreira Junior, e ao cargo de Senador o parlamentar Marcos Rogério Da Silva Brito, concorreram ainda na mesma coligação os candidatos a Deputado Federal, Expedito Netto (PSD), Lucas Follador (DEM), Lindomar Garçon (PRB) e Affonso Da Mabel (DEM).

Candidata do PSDB, Mariana Carvalho obteve 38.776 votos (4,95% dos votos válidos) e foi eleita Deputada Federal em Rondônia no 1º turno das Eleições 2018.

Apesar de eleita, ocorreu uma redução visível dos votos da parlamentar em relação às eleições de 2014.

Em Porto Velho a atual Deputada, alcançou 16.178 votos (6,91% dos votos válidos), uma diferença descomunal em relação a 2014.

Estiveram entre os mais votados na capital, o Empresário Leo Morais (PODE) que obteve 46.985 votos (20,06% dos votos válidos), o ex-prefeito Dr. Mauro Nazif (PSB) que alcançou 22.162 votos (9,46% dos votos válidos) e a Jornalista Cristiane Lopes (PP) que atingiu 18.533 votos (7,91% dos votos válidos). Mariana Carvalho acabou em quarto lugar.

A deputada eleita alcançou o maior numero de votos apenas nos municípios de Cabixi e Pimenteiras do Oeste, municípios do Cone Sul do Estado.

Fonte: politicaro.
Emilson Tavares
Professor Tavares especialista em política contemporânea.