Guaraní perde, mas elimina Corinthians da Libertadores.

Triste realidade: Corinthians já foi eliminado nove vezes em sua arena.
Time paraguaio já tinha sido o algoz dos brasileiros na competição continental em 2015. Alvinegro se concentra agora no Campeonato Paulista.

Corinthians está fora da Libertadores! Na noite desta quarta-feira, a equipe até venceu o Guaraní-PAR por 2 a 1 na Arena, em Itaquera, mas por conta do gol sofrido dentro de casa, está eliminado do principal torneio do continente ainda na fase preliminar.

Luan e Boselli, marcaram os gols da equipe, mas o tento anotado por Fernando Fernández, de falta, confirmou a “zica” contra o time paraguaio, algoz corintiano também em 2015. O próximo adversário do Guaraní, ainda em datas a serem definidas, será o Palestino-CHI, que também nesta quarta despachou o Cerro Lago-URU.

Já o Corinthians se concentra no Campeonato Paulista, onde tem pela frente no próximo sábado o clássico com o São Paulo, no Morumbi.

O jogo
Depois de perder por 1 a 0 no jogo de ida, o Corinthians iniciou a partida indo com tudo para cima. Até por isso, o técnico Tiago Nunes escalou o time com Boselli e Vagner Love juntos.

E a troca deu resultado, já que o Alvinegro abriu o placar logo aos 8 minutos. Luan recebeu na direita, tirou a marcação e bateu colocado, superando o goleiro Servio.

Aos 22 e 23, Vagner Love teve duas oportunidades, mas não conseguiu o gol. Pouco depois, Fagner fez boa jogada pela direita e cruzou. Boselli, Love e Sidcley tentaram, mas não conseguiram alcançar a bola.

Aos 28, o Corinthians levopu um baque. Pedrinho tentou uma bicicleta da entrada da área e acertou o rosto de Ángel Benítez. Como já tinha cartão amarelo, o camisa 10 foi expulso.

Porém, mesmo com um a menos, o time brasileiro chegou ao gol. Luan conseguiu belo lançamento para Vagner Love. O atacante passou pela marcação e cruzou na medida para Boselli, que fez 2 a 0 aos 31.

Ainda na primeira etapa, o Corinthians ainda teve mais duas ótimas chances. Aos 40, Fagner bateu falta no travssão. Aos 49, após falta cruzada na área, Vagner Love se antecipou e cabeceou sozinho. O goleiro Servio conseguiu fazer a defesa.

Na volta para a segunda etapa, o fato de jogar com um jogador a menos começou a pesar para o Alvinegro e o Guaraní passou a criar chances. E chegou ao seu gol aos 7, em bela cobrança de falta de Fernando Fernández.

Na volta para a segunda etapa, o fato de jogar com um jogador a menos começou a pesar para o Alvinegro e o Guaraní começou a criar chances. E chegou ao seu gol aos 7, em bela cobrança de falta de Fernando Fernández.

A partir daí o Corinthians, precisando de mais um gol para garantir a classificação, passou a criar uma série de chances. Aos 19, Luan bateu falta com muita categoria e a bola foi na rede pelo lado de fora.

Aos 40, o zagueiro Romaña, do Guaraní, cometeu falta em Janderson e foi expulso, deixando os dois times com dez em campo na reta final.

Nos lances seguintes, Fagner e Boselli ainda chegaram perto do gol, mas não conseguiram marcar e selaram a eliminação corintiana na Libertadores.

CORINTHIANS 2 X 1 GUARANÍ-PAR

Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data/hora: 12/2/2020, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Juan Pablo Belatti (ARG) e Julio Fernandez (ARG)
Público/renda: 40.327 pagantes/R$ 2.225.657,34
Cartões amarelos: Pedrinho, Cantillo, Camacho, Gil (COR) e Báez, Romaña, Ángel Benítez (GUA)
Cartões vermelhos: Pedrinho 28’/1ºT (COR), Michel Huff preparador físico 33’/1ºT (COR) e Romaña 40’/2ºT (GUA)

GOLS: Luan 8’/1ºT (1-0), Mauro Boselli 31’/1ºT (2-0) e Fernando Fernández 7’/2ºT (2-1)

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Pedro Henrique, Gil e Sidcley (Lucas Piton 16’/2ºT); Camacho (Janderson 34’/2ºT) e Victor Cantillo; Pedrinho, Luan e Vagner Love (Gustagol 20’/2ºT); Mauro Boselli. Técnico: Tiago Nunes.

GUARANÍ-PAR: Servio, Guillermo Benítez, Rolando García (Maná 33’/1ºT), Báez, Romaña e Iván Ramírez; Morel, Ángel Benítez, Florentín (Bobadilla intervalo) e Redes; Fernando Fernández (Edgar Benítez 35’/2ºT). Técnico: Gustavo Costas.

 

Fonte: R7 Esporte.