Luciano Huck passa vergonha em rede nacional.

Luciano Huck é desmentido e Gustavo Lima ensina como é ajudar as pessoas de verdade.

GUSTTAVO LIMA fala da carga de oxigênio para Manaus…

Uma campanha encampada pelo humorista Whindersson Nunes para levar oxigênio ao Amazonas, vem fazendo uma grande mobilização nas redes sociais.

Mas contraindo o próprio governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e Luciano Huck, que disseram, que somente aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) poderiam fazer o transporte, o cantor Gusttavo Lima gritou um Boeing 737.

Luciano Huck: Nesta sexta-feira (15), o apresentador foi às redes sociais, fazer uma critica a todos que estão se mobilizando para compra do oxigênio.

No vídeo, Hulk diz que é complicado transportar os cilindros, já que o meio adequado seria os aviões da Força Aérea Brasileira (FAB). No mesmo dia, Huck publicou uma postagem onde convocava a população a fazer um panelaço contra o governo Bolsonaro.

Gusttavo Lima: No mesmo dia da postagem de Huck, o cantor Gusttavo Lima anunciou o fretamento do cargueiro Boeing 737 da empresa Sideral.

O Boeing foi carregado na manhã deste sábado (16), com 150 cilindros de oxigênio hospitalar líquido de 10 litros, e chegou à capital do Amazonas por volta do meio-dia.

Whindersson Nunes: O humorista cearense enviou 60 respiradores, que chegaram também neste sábado ao Amazonas e foram distribuídos entre seis unidades de saúde.

Artistas: Figuras públicas também estão ajudando, como Felipe Neto, Alok, Jorge e Mateus, Marília Mendonça, Richarlyson, Bruno Gagliasso, Thelma (ex-BBB), Galhardo, Fabinho, Paola (Masterchef), Tatá Werneck, Paulo Coelho e outros, além dos anônimos.

Governo federal: O presidente Jair Bolsonaro ordenou a construção de um Hospital de Campanha em Manaus, que deve começar a operar nos próximos dias. Além de levar oxigênio através de aeronaves da FAB, e também transferir pacientes para outros estados.

Governos estaduais: Estados também se pronunciaram em público a receber pacientes de casos leves e moderados, com a intenção de aliviar a carga no sistema de saúde do Amazonas.

Fonte: Redes Sociais.