Jovem é condenada à prisão perpétua por matar seu estuprador

Uma jovem norte-americana de 19 anos foi condenada pela à prisão perpétua por matar o pedófilo que a estuprou diversas vezes desde que ela era menor de idade. A decisão foi proferida pela Justiça de Wisconsin, nos Estados Unidos.

Chrystul Kizer matou Randy Volar, 33, com dois tiros na cabeça. O crime ocorreu na casa dele em Kenosha, em 5 de junho de 2018, quando ela tinha 17 anos. Após o assassinato, ela queimou o corpo e fugiu com o carro dele.

Fonte: metropoles