Semagri realiza manutenção, adequação e expansão na feira do Centro

Medida busca prestar mais conforto para aqueles trabalham e que vão ao local semanalmente.

OBRAS DE AMPLIAÇÃO e adequação da feira do Centro melhoram espaço para feirantes e compradores

Melhorar a estrutura da tradicional feira do Centro, dar mais acessibilidade aos usuários, ampliar o número de espaços disponíveis para feirantes e promover reparos: esses são os objetivos das obras que a Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri) realiza atualmente no barracão da feira livre do Centro. A ação, que é realizada com recursos próprios e doações de empresários, permitirá a instalação de 14 novos feirantes no local, instalou escadaria e espaços de higienização e reforma elétrica.

Através de seus servidores e voluntários, a Semagri contou com apoio em doações de itens de materiais de construção, como sacos de cimento e areia. Parte do local foi nivelado e tem três escadas em construção para facilitar o acesso dos compradores e vendedores pelo lado sul da feira. O espaço recebeu ainda um muro de contenção do aterro, que deve ser concluído em breve.

READEQUAÇÃO – Buscando restabelecer o padrão de ocupação nos boxes da feira, os espaços dos feirantes foram reajustados, voltando ao projeto original da feira para manter todos os locais com o mesmo tamanho, visto que alguns haviam sido unificados por alguns comerciantes. A secretaria destaca que as divisórias de muitos blocos haviam sido quebradas e agora foram reconstruídas, dando, assim, oportunidade para novos 14 produtores poderem trabalhar. Além disso, boa parte da pintura do local foi refeita.

PREVENÇÃO – Tendo por objetivo facilitar a higienização de todos que trabalham ou compram na feira, a Semagri distribuiu por toda a feira lavatórios de mãos, além de manter os sanitários sempre limpos.

ELÉTRICA – Com constantes reparos nas lâmpadas e fiação elétrica, o barracão já recebeu nos últimos dois anos cerca de R$ 1,1 mil em investimento para melhorias e manutenção da iluminação.

PROJETOS – A Semagri também planeja para a mesma região em que foram instaladas as escadas, a realização de serviço de terraplanagem para a inserção de piso de bloquetes. O objetivo será aumentar a área útil da feira para que, assim que o período de enfrentamento da pandemia passar, eventos possam ser realizados no local. A Prefeitura já se empenha também no projeto de edificação de calçada com três metros de largura circundando toda a quadra da feira, proporcionando novo espaço de caminhada e circulação de pedestres no local. Além disso, conversas iniciadas com o deputado estadual Luizinho Goebel tratam da possibilidade da instalação de uma academia ao ar livre na feira após a fase do bloqueteamento.

Semcom