Contas do governo têm pior rombo da história em abril, diz Tesouro Nacional

Por causa da crise econômica proveniente da pandemia do coronavírus, as contas do governo registraram o pior rombo da história no mês de abril. Segundo a Secretaria do Tesouro Nacional, o déficit primário foi de R$ 92,9 bilhões.

Para fins de comparação, o rombo fiscal do ano de 2019 inteiro foi de R$ 95 bilhões. O déficit de abril foi motivado principalmente por uma perda de arrecadação de R$ 43 bilhões. Além disso, a pandemia aumentou os gastos públicos com cerca de R$ 60 bilhões.

A Secretaria do Tesouro Nacional divulgou também que as contas do setor público todo, somando o governo federal, estados, municípios e empresas estatais, deve somar R$ 708,7 bilhões em 2020. Isso equivalerá a 9,9% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil.

Fonte: obrasilianista